Gestão da Cultura Corporativa

Gestão da Cultura Corporativa: A ferramenta indispensável

Gestão da Cultura Corporativa parece ser um tema simples, e é desta forma que a maioria das organizações e RH’s abordam esta prática. Mas de fato, não é nada simples! É um grande desafio para organizações em geral.

Várias empresas podem ter tido sucesso em suas próprias intervenções na cultura – mesmo tendo envolvido gastos dispendiosos no processo. Seja por meio das formas mais tradicionais, como disseminação dos valores e missão da organização em banners, intranets ou apresentações realizadas pelas lideranças; ou formas mais sofisticadas como a realização de treinamentos e workshops.

As formas mais sofisticadas e elaboradas com certeza são as mais efetivas, pois atingem níveis mais profundos da cultura – em sua raiz: a crença e os valores compartilhados. Entretanto, isso não dispensa também as formas simples de Gestão da Cultura Corporativa.

Ademais, muitas das políticas de transição e mudança da cultura organizacional, apostam em tentativa-erro-acerto. Muitas empresas gastam enormes quantias em dinheiro e tempo nesse processo, pois aplicam políticas sem antes compreender profundamente a própria cultura e as pessoas nela inseridas.

Além disso, a maior parte dos RHs que se ocupam da Gestão da Cultura Corporativa não conhecem formas de acompanhar e medir se de fato as políticas de gerenciamento estão sendo bem-sucedidas durante o processo, somente após o médio ou longo prazo. Na ferramenta que utilizamos, a efetividade é continuamente acompanhada.

É, acima de tudo um método científico. Pelas políticas mais tradicionais e conservadoras, a validação das intervenções na cultura ocorre depois da aplicação – se não foi bem-sucedida, a empresa perdeu tempo e dinheiro.

E atenção para adaptações de casos de sucesso: pois toda empresa tem cultura única – com talentos únicos – e não é possível replicar modelos exatos de Gestão da Cultura Organizacional efetivamente. O ideal, é personalizar integralmente com validação a priori – isto é, alguma comprovação e evidência de que será bem-sucedida. O método que iremos mostrar contempla tudo isso. É, acima de tudo, uma metodologia científica de estudo da cultura.

É este método que confere maior garantia do sucesso da Gestão da Cultura Corporativa. Conheça a seguir.

Análise Funcional do Comportamento para Gestão da Cultura Corporativa

A ferramenta/metodologia que utilizamos em nossas soluções para mudança e gestão da cultura corporativa é denominada Análise Funcional.

Este termo tem diversos significados, pois é utilizado em várias áreas do conhecimento. Dentro da psicologia, é uma metodologia aplicada ao estudo e mudança de comportamento, a qual está embasada pela filosofia e ciência Behaviorista. E também aplicável para empresas – afinal, empresas são construídas e geridas por pessoas.

Parece óbvio, mas deve ser dito: toda cultura é o resultado dos comportamentos das pessoas envolvidas. A Análise Funcional se trata da identificação dos comportamentos envolvidos na cultura, para que em seguida estes possam ser modificados, amadurecidos e consolidados. Se sua empresa tem uma cultura de inovação, diversos comportamentos individuais e grupais estarão associados à este fator. Se ela não tem, a Análise Funcional identifica como estimular estes comportamentos dentro da sua empresa.

Algumas das políticas aplicadas em Gestão da Cultura Organizacional, ignoram a importância dos comportamentos individuais e grupais na cultura.

Com essa metodologia garantimos a efetividade, pois é viabilizado medir o sucesso da transição cultural através dos comportamentos observáveis. E como isso é possível? Identificando os comportamentos objetivo associados à cultura almejada, bem como os comportamentos que devem ser extintos – aqueles que não devem existir mais. A partir daí, planos para modificar os comportamentos são elaborados, bem como indicadores e metas objetivas. A cultura mensurada pelos comportamentos.

E atenção a uma importante consideração: todo comportamento é função de crenças particulares ou compartilhadas, portanto ao modelarmos o comportamento, também estamos modelando crenças e valores arraigados.

→ A EIDEA recomenda a formação Analista Comportamental da Apogeo, para você dominar a prática de promover uma verdadeira engenharia do comportamento na sua empresa. Clique aqui e confira os detalhes do curso!

Efetividade e economia

Por se tratar de uma metodologia que estuda cuidadosamente os comportamentos, as intervenções são bem-sucedidas e eficientes. Todo problema quando identificado com clareza e objetividade é mais facilmente contornável. Como o comportamento é a causa da cultura, uma maior clareza sobre ele repercutirá em efetividade. Especialmente com profissionais treinados para isso, como é o caso da nossa equipe.

Temos de concordar que efetividade é sinônimo de bom investimento, e um bom investimento é ótimo para a economia de qualquer empresa. A Análise Funcional se propõe a consolidar os comportamentos e, portanto, a Cultura Organizacional.

Outro ponto positivo para o investimento: a durabilidade da mudança. É propiciado analisar formas de manter os comportamentos a longo prazo, portanto, consolidá-los.

Além disso, toda a Gestão da Cultura Corporativa proporcionada pela Análise Funcional carrega possibilidades simples e econômicas de modificar os comportamentos dos funcionários. Dispensa a necessidade de investir em treinamentos caros para os líderes de custo-benefício dúbios.

Benefícios da Análise Funcional

Então para sintetizar e finalizar, veja os benefícios listados abaixo:

  • Acompanhamento simplificado da Gestão da Cultura Corporativa;
  • Possibilita demarcação de indicadores ao longo do processo;
  • É possível associar metas tangíveis à Cultura Organizacional almejada;
  • Metodologia econômica;
  • Durabilidade de longo prazo;
  • As pessoas entendem objetivamente a Cultura – facilita aceitação e engajamento das equipes.

E então, o que você avalia da Análise Funcional de Comportamentos para a Gestão da Cultura Corporativa? Deixe sua opinião nos comentários e, em caso de dúvidas, entre em contato com a gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This